Tipos de queijo: provolone, mussarela, prato e parmesão

Existem diversos tipos de queijos e modos como são fabricados, dentre os principais, como provolone, prato, mussarela e parmesão. Veja a análise de cada um deles.

» Página Inicial


Por Dra. Daniela Viggiano - Nutricionista

O queijo é um alimento fonte de proteína e derivado do leite e, portanto, considerado também fonte de cálcio.

Atualmente existem diversos tipos de queijos e modos como são fabricados, dentre os principais, como provolone, prato, mussarela e parmesão, vamos hoje identificar a diferença entre eles e as opções mais saudáveis e menos gordurosas.

Diante de tantas alternativas, surgem muitas dúvidas do que é mais saudável, como é fabricado, o que possui cada tipo de queijo e se faz mal ou não à saúde.

Neste artigo, vamos discutir um pouco sobre os principais tipos de queijos consumidos no Brasil no dia-a-dia e como fazer escolhas mais saudáveis dentre tantas opções disponíveis no mercado.

Queijos

Os queijos citados são geralmente consumidos em lanches, pizzas, saladas, por cima de macarrão e até como petiscos, podendo ser empanados ou não.

Provolone

De sabor característico, forte e muito consumido no Brasil, o queijo provolone é original da Itália e pode ser consumido em lanches, pizzas ou como petiscos, como o famoso provolone à milanesa.

Abaixo, observamos a composição nutricional de 100g de provolone e podemos concluir que é um queijo bastante gorduroso, calórico e que possui muito sódio.

Só pela sua composição, o seu consumo já deve ser evitado, pois o excesso no consumo de gorduras e sódio pode desencadear doenças crônicas como: obesidade, diabetes e hipertensão.

Porém, a principal atenção deve ser no consumo de provolone à milanesa, visto que essa fritura aumenta ainda mais o teor de gordura, podendo ser muito prejudicial à saúde.

Queijo Prato

O queijo prato é muito consumido e geralmente pode substituir a mussarela nos lanches, pizzas, e preparações culinárias.

Abaixo consta a informação nutricional em 100g de queijo prato.

Valor energético359.9kcal = 1511kj18%
Carboidratos1,9g1%
Proteínas22,7g30%
Gorduras saturadas16,3g74%
Gorduras monoinsaturadas6,8g-
Gorduras poliinsaturadas0,5g-
Cálcio940,0mg94%
Lipídios29,1g-
Sódio579,8mg24%

Seu consumo deve ser evitado pois o teor de gordura saturada ainda é alto e a quantidade de sódio também. Além disso, ele é composto geralmente por aditivos químicos, como corantes, que quando consumidos em excesso, pode ser prejudicial à saúde, podendo desencadear alergias ou mesmo estar relacionado ao aparecimento de alguns tipos de câncer.

Mussarela

Também de origem italiana, o queijo tipo mussarela é menos calórico e possui menos sódio quando comparados com os queijos citados acima.

Na tabela abaixo pode-se observar isto, constando da informação nutricional em 100g de queijo mussarela.

Seu consumo deve ser moderado e com cautela, pois em excesso também pode desencadear doenças crônicas e aumento de peso.

Parmesão

Na tabela abaixo podemos observar as características nutricionais do queijo parmesão, na porção de 100g.

Valor energético453.0kcal = 1902kj23%
Carboidratos1,7g1%
Proteínas35,6g47%
Gorduras saturadas19,7g90%
Gorduras monoinsaturadas8,7g-
Gorduras poliinsaturadas0,4g-
Fibras solúveis0,2g-
Cálcio992,0mg99%
Vitamina A66,2ug11%
Piridoxina B60,2mg15%
Manganês0,1mg4%
Magnésio33,4mg13%
Colesterol105,8mg-
Lipídios33,5g-
Fósforo744,6mg106%
Ferro0,5mg4%
Potássio96,2mg-
Cobre0,2ug0%
Zinco4,4mg63%
Riboflavina B20,4mg31%
Sódio1844,1mg77%

Notamos que é o queijo mais calórico, mais gorduroso e com mais sódio dentre os citados. Por isso, o seu consumo deve ser evitado, pois pode acarretar aumento de peso, podendo resultar em obesidade e aparecimento de doenças crônicas, principalmente hipertensão, devido à sua grande quantidade de sódio.

Dica

Quanto mais amarelo ou alaranjado o queijo for, mais processado e gorduroso ele é, ou seja, além de possuir maior teor de gordura, esses queijos também passam pode diversos processos industriais, sendo adicionados corantes, conservantes e demais aditivos, que são prejudiciais à saúde.

Para uma alimentação saudável, o Guia Alimentar para a População Brasileira determina que a alimentação deve conter alimentos in natura, como os de feira, por exemplo e deve-se evitar o consumo de alimentos processados, como é o caso dos queijos amarelos e alaranjados.

Com isso, o queijo branco é a melhor opção, pois é menos processado e menos gorduroso em relação aos demais queijos. Além disso, é rico em cálcio e proteína.


 

Veja também



© 2018   |   Alimentação Legal: Conteúdo produzido por nutricionistas e entusiastas   |   Política de Privacidade