Origem da macaxeira, como ela é conhecida e produtos derivados

Perguntas e respostas sobre qual a origem da macaxeira, sua lenda e como ela é conhecida nas regiões do país? Quais os derivados da mandioca mais conhecidos no Brasil?

» Página Inicial

A origem da macaxeira está associado com as Américas. América Central e América do Sul são as regiões onde acredita-se que surgiu a macaxeira. Entretanto outros estudos apontam que ela é realmente um alimento brasileiro, com origem no cerrado ou na Amazônia. Foi descoberta foi por indígenas e ainda há controvérsias se foram os Tupis ou os Aruaques (da tribo Aruak) que a cultivam como alimento.

Lendas

Há varias lendas sobre a origem desse alimento. Uma delas é a história indígena de que a macaxeira foi uma planta que nasceu de um túmulo. Essa lenda narra a história de Mani: uma índia que morreu ainda na infância sem nenhuma causa conhecida. Era sempre visitada por seu familiares, que choravam em cima da cova onde havia sido enterrada. Certa vez, observaram que nasciam uma planta e cavando o buraco descobriu-se uma raiz marrom, que por dentro era branca. Deu-se o nome de manioca, por ter nascido em uma oca onde Mani fora enterrada. Hoje, é conhecida por mandioca. Há também regiões que chamam de macaxeira, aipim, castelinha e macamba.

Como ela é conhecida nas regiões do país?

Mandioca

A mandioca é um alimento consumido em todas as regiões do país devido a grande variedade de formas de utilizá-la na culinária. No sul e sudeste do país, exceto o Rio de Janeiro ela é conhecida como mandioca. Já no norte e nordeste já é chamada de macaxeira ou aipim. O estado do Rio, a reconhece como aipim.

No Brasil ocupa a segunda posição mundial na produção de mandioca. São produzidas mais de 20 milhões de toneladas de mandioca ao ano e região nordeste é a que aparece com mais destaque. Sua produção compara-se com a produção de arroz, e cana de açúcar e é responsável por alimentar grande parte da população mundial.

Quais os derivados da mandioca mais conhecidos no Brasil?

A macaxeira é ingrediente para a produção de farinha de mandioca, tapioca, polvilho doce e salgado, . Ela é também utilizada na produção de comidas do norte, como: tacacá e molho tucupi. O pirão de peixe, farofa d’agua e o beiju são receitas que tem, também, por base a mandioca.

Porque é uma boa fonte de alimentação?

A mandioca tem grande porcentagem nutricional. É composta de vitamina B, cálcio, ferro e fósforo e muitos carboidratos (açucares e amido). É por isso considerado um alimento com alto grau de teor energético.

Há vários pratos que usam a mandioca como principal ingrediente ou como complemento. Entre eles podemos destacar alguns, como:

  • Mandioca frita. Pode ser pura ou empanada. Muitos fazem com ovos e fica muito bom. Típico de Minas e lembra minha infância onde comi muito assim.
  • Bolinho de mandioca. Uma iguaria que pode ser consumida pura ou como parte do almoço, por exemplo.
  • Bolo de mandioca. Bolo não é meu forte, mas para os que gostam…
  • Mandioca com carne. Esse é outro tipicamente mineiro, onde se cozinha a mandioca junto com a carte. Fica muito bom.
  • Purê de mandioca. Assim como o de batata ou de milho. A diferença é que ele é um prato mais pesado e a noite não é a melhor opção, principalmente para quem tem problema de digestão.
  • Entre tantos outros.


 

Veja também



© 2018   |   Alimentação Legal: Conteúdo produzido por nutricionistas   |   Política de Privacidade